terça-feira, 1 de abril de 2014

Facebook Capítulo Final!!!

Olá Pessoas!!! Semana passada desativei minha conta no Facebook e, confesso a vocês, não sinto a mínima falta - não tenho o menor arrependimento. 
Cansei de tanta vaselina!!! Cheguei à conclusão que pessoas como eu, adeptas do sincericídio, decididamente não podem e não devem ter conta naquela rede social. É uma babação de ovo pra cá, uma puxação de saco pra lá, tudo isso recheado de muita, mas muita falsidade meeeeeeeeeeeeeeeeesmo!!!! Um monte de gente feia postando fotos e um monte de gente falsa comentando "lindo",  "lindo", "lindo". Sem falar nas pessoas que você sabe que mal te suportam e comentam suas fotos ou status floreando palavras de amizade verdadeira com açúcar, afeto... e veneno!!!
Cansei também das babaquices, tipo: partiu academia, partiu trabalho... partiu puta que pariu. Sem falar no se sentindo cansada, se sentindo apaixonada, se sentindo abestalhada. Tenho uma prima que pela manhã está se sentindo uma coisa, meia hora depois  outra e até o final do dia seu humor oscilou mais do que pêndulo oscilante - uma verdadeira montanha russa de emoções. Impressionante a metamorfose ambulante que ela é. E, mais impressionante ainda é a necessidade sórdida que tem de mostrar isso ao mundo. Aliás o que parece é que as pessoas precisam se mostrar, numa tentativa desenfreada de pertencer a um grupo, de ser aceito ou sei lá que picas de necessidade doentia mais o ser humano possa ter a ponto de ser expôr tanto...
E não pensem que para por aí. Conheço muitas pessoas  que eu até julgava coerentes e emocionalmente resolvidas e, de repente, graças ao Face, descobri que não passam de um bando de imaturos. Sem falar nos muitos cultos de plantão que cometem erros grotescos de português. Reparem que disse erros grotescos, porque erros todos cometemos, e é até normal tratando-se de uma língua tão complicada como a nossa, entretanto os erros em questão são tão monstruosos  que fazem crianças do primário vomitar diante de tanta burrice. O pior é que muitos dos que cometem tais erros são pessoas graduadas, tem inclusive muitos advogados escrevendo a gente junto - tipo agente do FBI, isso só para exemplificar. Garanto que existem piores, mas não consigo lembrar.
Por essas e outras e, sobretudo, para não ter que cortar meus lindos pulsos com gillette ou, pior que isso: para não  ter que mandar muita gente boa ir à merda, decidi jogar a toalha e agora só estou na rede mais anti-social que existe que é o blog. Como diz meu filho: "Blog é coisa de solitário", porém prefiro a solidão da blogosfera que a inutilidade ou a imbecilidade de outras redes sociais.
Hoje é Primeiro de Abril, mas o que escrevi é a mais pura verdade.

2 comentários:

  1. fiz a mesma coisa e faz tempo...circulo no google+ porque lá esta gentalha ainda não apareceu...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rsrsrsrssrs. Ameeeeeeeeeiii!! Xeroooo!!!

      Excluir