quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Ai Pessoas!!! Que pendegue que eu passei desde terça. Por mais equilíbrio que se tenha (gentem este não é o meu caso), não se consegue conter as lágrimas, muito menos os maus pensamentos quando nos vemos numa situação dificílima. Quando fiz o auto exame da mama e detectei o caroço eu só pensava o pior. Foi uma noite de desespero, chorei horrores. Mas como nunca me deixo abater de fato, na quarta levantei cedo e corri atrás de um bom especialista, só conseguindo marcar consulta para hoje (quinta). E não pensem que me entreguei não: fui marquei a tal consulta e trabalhei normalmente. Procurei tirar as caraminholas da cabeça e as mandei pra casa da porra. 
Hoje fui a consulta e, graças a Deus, a médica constatou ser apenas um cisto, mas ainda assim passou alguns exames só para me deixar mais tranquila e um pouco mais dura (brincadeirinha).
Passado o susto, me vem na cabeça as palavras do meu velho amigo e companheiro de batalhas, Alexandre: " Precisamos atentar-nos para o 'pra quê' das coisas ao invés do 'por quê' ". Agora é hora de fazer uma reflexão de tudo isso e levar como lição e, se possível, compartilhá-la com vocês. É hora de ouvir o que Deus está querendo me dizer, afinal nada acontece por acaso. Eu não acredito em coincidências...
Um xero!!!

2 comentários:

  1. excelente oportunidade para uma verdadeira reforma íntima e maior conexão com a essência divina que reside em seu coração!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu querido desculpa a demora em responder, estive de férias e só retornei hoje. Neste feriado vou fuçar seu blog, ler comentar e vou ver se posto alguma coisa, porque senão enferrujo.
      Xero!!!!

      Excluir