segunda-feira, 8 de abril de 2013

Conselhos Inúteis

Hoje Um amigo me ligou desesperado, pois tinha brigado com a namorada e, em meio à discussão disse coisas horríveis - pegou pesado e jogou caquinhas no ventilador. Estava deprê, arrasado!!! Me disse que não valia a pena se entregar a uma relação, porque quando acabava ele ficava destruído e blá, blá, blá. Ficamos longos 37 minutos na linha e, graças a Deus, ao final da ligação consegui convencê-lo a engolir o orgulho, ligar pra moça e reconciliar (como não me ligou de volta, deduzo que tenha dado certo).
Viver é a possibilidade de fazer escolhas certas e erradas e tentar ser feliz. Passar por cima do orgulho é uma escolha acertada; Pior que ouvir um não é passar o resto da vida sem ter a certeza do que poderia ter sido se tivesse tomado determinada atitude. 
Conheço pessoas que viram o amor maior ir embora e sofrem anos a fio, porque não foram generosas para darem o perdão ou humildes a ponto de pedirem. De que adianta o orgulho? Amor e orgulho decididamente não combinam. 
Se você brigou com a cara metade e está sofrendo horrores siga meu conselho: Corra atrás, chore, se humilhe, faça o que for preciso, plante bananeira em frente à casa do sujeito... tente. Se der certo tudo bem, se não... diga que tava blefando, que não sente porra nenhuma. Pelo menos você tentou, não é mesmo? 
Além do mais se não deu certo é porque não tinha mesmo que dar. Quando se está preparada a pessoa certa aparece do nada, quando e onde menos se espera. Comigo está sendo assim, graças a Deus!!!
Um xero!!!



Nenhum comentário:

Postar um comentário