domingo, 27 de janeiro de 2013

A Tragédia de Santa Maria

Eu até pensei em não escrever uma única linha acerca deste assunto, mas não posso dormir sem falar o quanto me doeu esta tragédia que aconteceu hoje no Rio Grande do Sul.
Creio que uma vez já falei aqui no blog sobre algo que ouvi de um pai que perdeu o seu filho único, vítima de um assalto. O  que ele disse me marcou tanto que jamais esqueci, pois quando a gente se torna pai ou mãe, invariavelmente, o mundo ganha um novo sentido e a nossa vida já não nos pertence por completo. A frase é mais ou menos assim: " Quando um filho perde um pai, ele fica órfão; quando uma mulher perde o  marido, ela fica viúva; mas quando um pai perde um filho, a dor é tão grande que nem tem um nome". Só quem é pai ou mãe poderá entender o real sentido desta frase. O amor de mãe (e imagino que também o de pai) é o que mais se aproxima do amor de Deus.
O ano passado eu sonhei perdendo um dos meus pimpolhos e meu desespero foi tão imenso que acordei no meu da noite em prantos, sentindo o peito dilacerado, gritando feito louca. O alívio de saber que foi um sonho, meu Deus foi uma das melhores sensações que já tive em vida!!! Agora imaginem vocês as famílias destes mais de 200 jovens que não podem acordar deste terrível pesadelo. Ficar indiferente a isso é até desumano, é cruel.
Desculpem, mas não tenho mais palavras.

3 comentários:

  1. Titia..." La tragedia de Santa Marìa "

    Estas letras redactadas con dolor las que he leìdo,agrego a mi comentario, que el padre al morir la mujer queda viudo, y la muerte de un hijo es dolorosa para los dos por igual.
    Mis condolencias a tanta desgracia a sus familiares.

    Saludos desde Argentina

    ResponderExcluir
  2. Foi muito triste o que aconteceu e só Deus sabe a dor dessas famílias.Beijos

    ResponderExcluir
  3. Não tem como não se compadecer disso tudo que está acontecendo. Não tenho ainda palavras pra dizer o que sinto com tudo isto. Estou muito triste com o que aconteceu, não gosto nem de imaginar o desespero destas famílias, dos amigos, parentes, namorados, namoradas... É tanta dor, que deixa a gente meio que anestesiado, sem ter muito o que falar. Só peço a Deus que dê força, bom ânimo, consolo e conforto a todos, porque essa é uma dor do Brasil inteiro!

    ResponderExcluir