domingo, 15 de julho de 2012

Sage Stallone, Heath Ledger, Michael Jackson

Gentem!!! Vocês prestaram bastante atenção ao título deste post??? Hum? Então leiam novamente e vejam o que estes três nomes têm em comum. Notaram agora??
Os três tiveram o mesmo destino trágico: foram vítimas de overdose por medicamentos. E, apesar do Health Ledger ser australiano, morava nos Estados Unidos, onde se deu sua morte.
Eu assisti ao maravilhoso O Segredo de Brokeback Mountain e fiquei maravilhada com a perfomance de Heath. Quem não viu o filme, assista e não vai se arrepender de forma alguma, é lindo e  comovente. Daí ele fez o Coringa no Batman, um outro trabalho incrível e de repente, é noticiada sua morte. Pasmei!!! Fiquei verde!!! O cara era excelente ator, estava no auge da carreira, além de ser jovem, lindo e ter um futuro todo pela frente cheio de sucesso, fama, grana e sei lá mais  que picas que o dinheiro pudesse comprar.Porra!!! É de foder!!!
E o que dizer então de Michael Jackson? O cara tinha se envolvido em vários escândalos, ficou  tempão sem gravar, sem fazer shows e quando se prepara para dar a volta por cima, puff. Vocês já sabem o final da história.
O pior é que quando alguém muito talentoso morre, todo mundo se sente meio órfão. 
O filho do Stallone trabalhava com cinema e era cheio de projetos, pelo que vi e li na imprensa. Porra o pai tá chocado e não é para menos. Enterrar um filho deve ser de fato a pior dor do mundo. Isso é surreal!!! Parece até enredo de filme de terror. Choca meeeeesmo. 
Gentem!!! Vocês pararam pra pensar que  notícias assim ocorrem com uma frequência   assustadora na terra do Tio Sam? Posso estar enganada, mas aqui no Brasil é raro ouvir dizer que fulano morreu por excesso de medicamentos - apesar da venda de muitos remédios ser livre nas farmácias deste Brasilzão de meu Deus.Sem falar que ficamos sabendo apenas dos óbitos das celebridades, mas e quantos anônimos não devem perder a vida por conta do mesmo problema lá nos Estados Unidos??? Ai credo!!! Tremo só em pensar...
Gentem!!! Esse negócio de auto medicar-se é uma roubada do cacete!!! É extremamente perigoso. Será que essa gente não sabe disso? O que leva alguém a se encher de drogas ao ponto de chegar a bater as botas??? 
Aqui em  casa nunca tivemos o hábito de ter a farmacinha lotada. Mamãe é super,hiper, mega contra tomar medicamento sem receita médica, eu aprendi e passei isso pros meninos. Às vezes o Viny tem uma dor de cabeça e eu digo pra tomar um analgésico e ele recusa, pois foi assim que eu mesma ensinei.
Se alguém te ensinar um remedinho fantástico pra tal doença, saiba que o organismo de Chico nunca é igual ao de Francisco, de modo que o comprimido tal que fez efeito mara pro Chico pode ferrar a vida do Francisco. Entendeu cara pálida?
Outra coisa: remédio é droga, sabia??? E como tal precisa ser tomada com muito cuidado e, com receita médica.Só não vai procurar o Dr. Conrad Murray. 
Um xeeeeero!!!!



2 comentários:

  1. Bom diaaa!!
    Aqui em casa tambem ensinei que automedicação
    é uma roubada, fora que o organismo acostuma e
    depois nem funciona mais e dai, voce passa a pro-
    curar algo mais forte, que tenha efeito e assim.
    seguindo sempre para outro e outro remedio...
    Quando o corpo se acostuma a uma certa medicação,
    começa a pedir mais e mais, as vezes, suas dores
    ja surgem por conta disso mesmo, corpo viciado nos remedios. Ja vi causos muito triste entre meus amigos, não chegou a uma overdose, mas desencadeou outras doenças e hoje, são obrigados
    a seguir tratamento rigido para manter-se livre
    de tais medicamentos...Ai, ai...Triste mas verdadeiro e como voce disse: são muitos os casos, mas como não são celebridades, ninguem fica sabendo. Deveria existir mais campanhas sobre o perigo da auto medicação concorda??
    Mas te deixo aqui, meus Bjinhos Curativos que se
    viciarem irão apenas te fazer bem viu?? Bom domingo!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Viciar em beijinhos e carinhos é maravilhoso amiga e cura as dores da alma. TE AMODORO sabia???
      Excelente semana pra todos nós e um xeeeeero enorme pra ti.

      Excluir