sexta-feira, 1 de junho de 2012

Depressão

Olá Pessoas!!! Ontem tive um dia tão cheio que vocês nem imaginam. Graças a Deus que foi cheio, mas de coisas boas. Depois do trabalho fui ao shopping passear com o Alê e nos divertimos muito. À noite tive aula na facu e nem tive tempo de postar aqui no blog, nem de agradecer a Simone Martins pelo mimo que fez a esta tia chata. Daqui a pouco vou no Meu Modo Suave de Escrever e me desculpo minha lindona.
Não postei nada ontem , entretanto fiquei com uma postagem na cabeça desde a hora do almoço. Vi no Jornal Hoje uma matéria sobre depressão - a doença da moda ( creio que perde só para virose ). Aquilo ficou me martelando o dia todo. Cheguei da faculdade moooooorta, sem tesão  nenhum pra escrever e, benhê, sem tesão não faço nada. Sabe por que? Pelo simples motivo de não sair do meu jeito. Agora descansada, posso falar pr'ocês sobre a reportagem.
Gentem!!! Existe um monte de tipo de depressão. É basicamente ao gosto do freguês. Tem aquela que o cara come, come e dorme e uma outra que o cara perde completamente a fome e o sono. E tem tantas e tantas que nem lembro mais; um bocado, quem tiver a fim pode escolher a sua, a Titia quer não,obrigada.
Entre tantos tipos uma me chamou a atenção, a pessoa fica deprimida ( ou será depressiva? ) quando o tempo está nublado ( ri não que o negócio é sério ). Daí passou a história de uma mulher que tem a doença há oito anos e vive sob efeito de medicamentos. Só que a infeliz ( nesse caso infeliz meeeeeesmo ) mora em São Paulo - um lugar nublado por natureza. Gentem!!! Raciocinem com a Titia,por favor: se eu tenho uma doença por ausência do sol ( quando o astro rei aparece, ela fica contente ) o que  faço? Vou morar num lugar ensolarado. Não é mesmo? Porque a imbecil não vem morar no nordeste? Ah, você vai dizer que ela tem uma vida lá em SP, que gosta da cidade, que tem filho, marido, emprego e tantos outros argumentos. Gentem!!! Vamu combinar? Se lasque né? Vai viver a vida toda tomando remédio antidepressivo? Amoooor nós só temos uma vida, caralho.Vai gastar sendo infeliz? Não nasci pra isso. Quem nasceu, pegue sua cruz e siga.
Quer saber a verdade? Muitas pessoas passam a vida sem tomar uma atitude, simplesmente pelo fato de ter medo de encarar a mudança. Então vai se adaptando à infelicidade. Vou contar um fato a vocês: Tenho  um vizinho que tem mais de 80 anos e logo quando separei encontrei com ele no caminho para a padaria. Ele me perguntou porque separei e eu falei que não éramos mais felizes juntos, daí tentamos sê-lo separados. Ele chorou, acreditam? Noooooossssa!!! Me abriu o peito e contou sua história. Casou com uma moça de gênio muito difícil esperando que ela mudasse, o que não aconteceu, pois com o tempo ela se tornou pior. E ele esperando. Veio  a primeira filha, depois o filho e ele não separava, porque a mulher não tinha paciência com crianças e ele preferiu esperar que estas crescessem. 
O tempo passou e ele foi ficando cada dia mais preso àquela situação. Os filhos casaram, vieram os netos. Como todo castigo pra corno é pouco, com nosso amigo não foi diferente; a bruaca teve um AVC e vive presa à uma cadeira de rodas, sem falar, sem andar, mas briguenta e mal humorada como sempre -  cobra que é cobra jamais perde o veneno .Gentem, conheço a peça e posso falar. E nada de dizer que sou mazinha, pois como já dizia Rui Barbosa: "Os canalhas também envelhecem". A véia é o capeta em figura de bruxa!!!
Resultado: hoje o pobre velho se lamenta por não ter se dado de presente a liberdade, a oportunidade de se fazer feliz com outro amor ou sozinho, pois como já dizia o ditado " antes só que mal acompanhado". Viveu o inferno em vida - isso segundo suas próprias palavras. Não falo seu nome por motivos óbvios. Mas a Dry deve conhecer, pois mora do lado da casa da sua tia, em frente a minha casa. Pobre senhor! 
Mas vamos falar de coisa boa? Esta é para você que está com depressão. Todos nós passamos por momentos difíceis. Tenho um amigo que mora no Paraná , nos falamos há alguns meses e ele estava muito mau, pois estava sofrendo, sozinho com um emprego não tão legal. Creio que na época estava se adaptando ao novo emprego. O cara tava triste de dar dó. Hoje nos falamos no msn e fiquei super,hiper,mega,ultra feliz, pois E ( esta é sua inicial ) está numa posição legal na empresa e namorando firme com B. Está beijando muito na boca e feliz pra caramba. Nem tivemos tempo de conversar direito, pois tinha que pegar B na escola onde ela dá aulas. Gentem!!! O cara tá feliz de dar gosto. Tá vendo meu amigo? Lembra do que eu te falei??? Ele lê nosso blog e com certeza vai mostrar o post pra B. Então vou aproveitar o espaço pra mandar um recadinho pra ela: menina cuide bem desse cara, porque eu conheço e sei o quanto é gente boa . Quando a gente encontra alguém que gosta de verdade da gente e é do bem temos que tratar de ser feliz e fazer o outro feliz também, porque é uma via de mão dupla, enfim sejam felizes.
E se você estiver passando por qualquer dificuldade, saiba que a vida não é feita só de rosas, o espinho vem incluso no pacote, mas nem por isso ela perde sua graça, sua beleza, sua mágica.
Meu amor, a vida passa rápido.Vamos nos permitir agora no momento presente. Eu me permito e você?
Um xero!!!

6 comentários:

  1. Boa noite minha flor baiana, sabe que eu estou precisando curar a minha depressão, e acho que vou me mudar amanhã mesmo para Bahia, surpesa...para sua casa e me aguente...kkkkkkkkk
    Fala sério! Acho que tenho depressão, pois fico muito feliz quando o Sol me visita logo cedo na janela da cozinha, mas quando o dia esta todo cinza, escuro, nublado...ai,ai eu fico de cara amarrada, chata e as vezes, até triste.
    Sou risonha, brincalhona, mas se fico sozinha, pronto, bate uma melancolia, uma vontade de chorar...sei lá! Mas ja terminou a sessão Dra.Titia então, deixa para a proxima sessãokkkkkk. Aluguei teu ombro não é mesmo?
    Ja me disseram que sou assim, tão carinhosa e amavel, porque sou carente, vai ver que é verdade...Adoro fazer novas amizaddes com pessoas de personalidade forte, sinceras e que no caso são o meu oposto, meu inverso, me sinto forte. descobriu agora porque nos damos bem não é? Adoro esse teu lado espontaneo...Não tenho medo de nada, só da minha sombra...Snif! Eu faço voce se calar, que tal voce me fazer calar?
    kkkkkkkk...Falei demais, sou assim mesmo quando amodoro alguém...desculpe! Mas agora chega, fui...Fique com DEUS! bjinhos carinhosos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai negona que saudade que eu tava d'ocê. Eu te amodoro demais da conta, vice? O meu pc pifou e eu fiquei quase uma semana afastada, mas voltei para a felicidade dos meus amigos e para tormento dos meus inimigos,kkkkkkkkkkk!!!
      Cheguei lindona.E para ficar.
      Venha pra Bahia que vamo passear pra chuchu. Vou te levar pra Itacaré, Ilhéus, Porto, Maraú. É muito lugar lindo numa região só. Vem pra cá pra gente rir até dizer chega e mandar a depressão pra casa do cacete.
      Amiiiiga tava louca, maluca de saudade. Se ficasse mais um dia sem pc ia acabar entrando em deprê.Rimou, viu?? Ficamos deprê, mas não perdemos o rebolado, nem a rima.Rs.
      Mil xeros!!!

      Excluir
  2. Menina, amo ler as suas linhas de raciocínio...
    Assisti a mesma entrevista e, pensei, como as pessoas acabam por inventar justificativas - "nomes" para suas frustrações, acomodações, medos e sei lá mais o quê; mas, enfim, para muitos falta a coragem de dar a tal guinada, ou aquela bela e feroz jogada na juba e tomar outro caminho...
    Sabe, fui casada por 10 anos com um homem de caráter impecável, além de hiper trabalhador e voltado pra família e filhos, quando decidi me separar, um amigo em comum, um senhor de uns 60 e poucos, na época, veio, cheio de cuidados - não queria ser invasivo, mas, compreendi que ele gostava muito do meu ex-marido, - só por isso não o mandei para Ponte de Paris!rsrs - "minha filha, olha bem o que tá fazendo... o fulano, é muito boa pessoa, trabalhador, ótimo pai... e, um pai pra ti".
    BINGO!!!
    Coitado, se ele soubesse a metralhadora, carregada com um belo pente, que ele tinha acabado de me por nas mãos...
    Era isso: ele era tudo...menos o meu homem! afinal de contas, não se vai para cama com o pai, salvo casos de incesto!
    Eu queria mais...queria AMOR, AMIZADE, PAIXÃO, CUMPLICIDADE...SONHOS....
    Hoje, graças à Deus tenho... e, digo em alto e bom tom, que a música Ainda Bem, da Marisa Monte, foi feita, esculpida na minha história... Há seis anos, tenho alguém que me faz cantar... Claro, já chorei também, briguei, silenciei...mas, caaannnto muuuito mais... E hoje vale a pena!
    Geralmente não é fácil encarar uma mudança, mas, às vezes, pode ser o ingresso - até bem alto - para uma verdadeira VIDA!
    Beijos, tia.
    Patrícia Fagundes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Patrícia peço mil desculpas pelo atraso na publicação do seu belíssimo comentário, é que infelizmente meu pc pifou e fiquei cinco longos dias sem net. Pode???
      Parabéns pela sua história, pela nova família linda que construiu e pela coragem de brigar por sua felicidade.
      Obrigada pelo carinho, viu??
      Mil xerinhos!!!

      Excluir
  3. murri shukar - minha linda!!!!!
    Aprender a conviver com os conflitos do dia-a-dia. Saber gerenciar as crises que podem acontecer e não perder o equilíbrio.
    Procurar ficar ao lado das pessoas que gostam de você. Compartilhar seus sentimentos, desafios e expectativas. Ter uma parceria com cumplicidade é a melhor forma de ficar bem com o mundo. Sem depressão. Beijossss no core

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Elaine,
      Obrigada pelo carinho de sempre.Desculpa pela demooooora da publicação do seu comentário, estou me justificando com todos, inclusive, pois fiquei uma semana com o pc pifado.
      Agora voltei cheia de saudade e de veneno, kkkkk.Vou visitar todo mundo, viu?
      Mil xerinhos!!!

      Excluir