quinta-feira, 17 de julho de 2014

É Foda!!!

Olá Pessoas!!! Hoje um conhecido me disse que não me encontrava mais no Face e ficou indignado quando soube que desativei minha conta. E, ao saber que tenho blog disse que blogueiro é tudo fofoqueiro. Ainda bem que converso com Deus todos os dias e, nessas conversas sempre peço paciência e tolerância para lidar com certos tipos de pessoas, principalmente as preconceituosas...
E, como uma conversa puxa outra... ao falar de Deus, de tolerância, veio à minha cabeça uma reportagem que li hoje sobre dois jovens evangélicos que invadiram a igreja matriz no centro da cidade de sacramento em Minas Gerais e destruíram várias imagens de santos. Este é mais um dentre tantos absurdos que somos obrigados a digerir todos os dias. Já não bastasse todo o tipo de violência que ouvimos todos os dias ( ou convivemos algumas vezes ) ainda me vem o preconceito, que é uma forma muito feia de violência, pois viola o direito do outro.
E, de repente eu nem sou a pessoa mais indicada para apontar meu dedo podre, porque paradoxalmente também sou uma pessoa preconceituosa, pois quando digo que tenho preconceito contra o preconceituoso eu me igualo a ele, entretanto, graças a Javé, Jeová, Alah, Oxalá, Adonai, nasci desprovida de outros tipos de preconceitos comuns a tantos imbecis de plantão - como os de raça, crença, geográfico, de orientação sexual, social e sei lá mais que tipos de preconceitos possam existir em cima deste planeta. Acredito e sou a favor do respeito às diferenças. Eu não sou obrigada a conviver com aquilo que não gosto, porém sou obrigada a respeitar a individualidade do outro e, sobretudo,  o direito do outro de ser diferente de mim. 
Semanas atrás li um testemunho de uma transexual que me arrancou lágrimas, pois o que aquele ser humano sofreu dentro da própria casa - numa tentativa monstruosa dos familiares de transformá-lo numa pessoa "normal", foi de cortar o coração do próprio Hitler. Sinceramente eu me considero forte pra caralho, entretanto não suportaria um dia o que ela conviveu por muito mais de uma década. E sobreviveu... 
Antes de sairmos por aí enfiando o dedo na ferida do outro e apontado seus defeitos, poderíamos vestir sua pele para sentir suas feridas, suas dores, seus medos. Ou, pelo menos, tentar conhecê-lo melhor... 
Mas tudo bem, é mais fácil atirar pedras, não é mesmo???
E vocês sabem o porquê? Porque o ser humano é foda, no pior sentido da palavra!!!






segunda-feira, 14 de julho de 2014

Atendentes da Oi Parte 2

Gentem!!! Peloooooamooooorrrrr!!! Sou uma pessoa difícil de ser tirada do sério, mas sinceramente estas atendentes da Oi fizeram estágio no inferno sentadas no colo do próprio capeta!!!
Porra!!! Caralho!!! Como são arrogantes, prepotentes, incompetentes e, invariavelmente conseguem vencer pelo cansaço. 
Não é a toa que digo sempre: Quando o indivíduo morre e é um bom sujeito, vai para o céu; se é um mau sujeito, vai para o inferno. Mas se for um Fernandinho Beira Mar, Osama Bin Laden ou alguém tipo Saddan Hussein, com certeza vai para um lugar que só tem atendente da Oi. Podem apostar!!!
Peço até desculpas pelo excesso, mas é que  minha  segunda foi realmente mara, até que cheguei em casa e tive a brilhante ideia de resolver um problema de telefonia... Foi o bastante para estragar o meu dia. 

domingo, 13 de julho de 2014

A Copa da Alemanha

Assistindo a final da copa do mundo no Brasil, fiz uma pequena analogia ao nosso descobrimento, ocorrido há mais de 500 anos atrás:
Os europeus desembarcam em Porto Seguro, conquistam nosso povo, dançam com nossos índios e depois fodem com o nosso time.  O pior disso tudo é que gostamos tanto que ficamos felizes por  levarem nosso ouro embora!!!
Brincadeiras à parte, a seleção alemã conquistou não  só o tetra, mas também o carinho do povo de Santa Cruz Cabrália e (por que não?) do Brasil. Quem diria que os alemães - tidos como frios, viessem a ser considerados a seleção mais carismática da copa? Vestiram a camisa do Bahia e ainda tentaram cantar o hino do clube, dançaram o lepo lepo, visitaram índios; se integraram com a comunidade local e ainda deixaram doações e projetos sociais. Os caras se sentiram em casa e podemos dizer que esta foi a copa da Alemanha, afinal eles caíram tanto nas graças do povo que ficamos contentes com o resultado da final, mesmo após o massacre da última terça. 
Parabéns Alemanha pelas conquistas da taça e do povo brasileiro!

quarta-feira, 9 de julho de 2014

O Mineiraço...

Olá Pessoas!!! Sempre ouvi dizer que jogo se ganha dentro de campo e, ontem isto ficou bem claro meeeeeeesmo: O Felipão dizia que já tinha uma mão na taça e ontem o que se ouvia na rua era a final contra a Argentina. Esqueceram da Alemanha...
Gentem!!! Muita ingenuidade do povo brasileiro achar que o timinho do Felipão seria campeão só porque está jogando dentro de casa. Tudo bem que vimos muitas zebras neste mundial, a Costa Rica que o diga, mas daí a acreditar que o Brasil seria campeão é forçar mesmo a amizade.
Para chegar ao título a seleção teria que passar por 7 jogos e passamos por 5, mas alguém prestou atenção aos jogos do Brasil? Jogamos até então com times sem tradição nenhuma e ainda por cima contamos com erros (?) grotescos de arbitragem. 
Eu tinha tanta certeza que perderíamos da Alemanha que até apostei dinheiro ( coisa que não costumo fazer ). Entretanto, confesso que não esperava tanto! 
O Brasil tem grandes jogadores, mas a Alemanha, sim, tem um time. E é uma equipe que vence um campeonato.
Acredito que a Alemanha vencerá este mundial e, se o fizer, ficarei feliz, pois eles estão hospedados aqui na Bahia e estão dando um show como a seleção mais carismática do mundial. 





domingo, 29 de junho de 2014

Cristianismo Capitalista

Não entendo bulhufas de religião, mas o conceito que tenho  do cristianismo é mais ou menos assim: "Eu tinha um pão, conheci Cristo, aprendi a partilhar". Entretanto vejo muitas igrejas pregando assim: "Eu tinha um pão, conheci Cristo e hoje sou dono de uma rede de padarias". 

sábado, 28 de junho de 2014

Los Cafeteros

Olá Pessoas!!! Sei que muitos foram os que acharam a punição imposta ao vampiro uruguaio pesada. Eu achei bem feito!!! O cara era reincidente, já foi punido outras vezes inclusive. A punição pior foi sofrida por sua equipe, pois o Uruguai sem o Suárez não vai a nenhum lado - quem assistiu a sua eliminação agora a pouco, pôde constatar isso. Quem ainda assim duvida, basta ver o retrospecto do time com e sem o Drácula sul americano. 
Quem não tinha nada a ver com isso era a Colômbia e acabou sendo a principal beneficiada. Aliás, merecidamente, pois a equipe sul americana vem mostrando um amadurecimento muito grande.
E, apesar de nunca ter passado das oitavas de final ( até o dia de hoje ), a Colômbia é o berço de duas figuraças que se tornaram lendas das Copas, o René Higuita (adoooooooorava vê-lo jogar) o nosso escorpião rei. Gentem!!! Quem viu esse cara atuando pela seleção colombiana não esquece: ele dava um show à parte. E imagine vocês que ele era goleiro, viu?! Acredito que o Rogério Ceni tenha se inspirado nele, apesar do Rogério ser bem mais discreto. E quem não era nada discreto também era o cabeludo Carlos Valderrama. Outra grande figura!!! Dois jogadores que não foram campeões, mas que são lembrados muito mais do que outros que o foram. 
Infelizmente a Colômbia também é lembrada por um episódio terrível: o assassinato de Escobar, um jogador que marcou um gol contra na Copa de 94, motivo da sua morte. Um fato realmente lamentável. 
Entretanto este não é o momento de lembrar fatos triste, afinal a Colômbia conseguiu um feito histórico e o país deve estar em festa a esta hora. Esta Copa vai ficar marcada na história da América Latina, que o diga a Costa Rica.
Sei que muitos europeus irão culpar o calor ou as aranhas (desculpem, esses são os australianos), mas o que dizer da brilhante seleção da Alemanha?! Sem esquecer a Bélgica, a Holanda, os Estados Unidos ou mesmo a fria vizinha Argentina?! Competência meus caros, competência... 
E, por falar em competência, parabéns meeeeeesmo à competente seleção Los Cafeteros. 
Um xero!

quinta-feira, 26 de junho de 2014

A Dentada da Vez

Eu juro que nunca mais juro mais nada, nadica de nada meeeeesmo. Jurei que não falaria sobre a Copa e falei do Pelô e agora volto a falar mais uma vez.
Gentem!!! Que ab-sur-dooooooo foi aquele episódio da mordida do jogador uruguaio no italiano?! Peloamoooorrr!! Que cara mais louco; o imbecil se recupera de uma cirurgia em apenas um mês e tem a oportunidade de defender sua seleção e, olha que o Uruguai depende - e muito, do talento do infeliz, daí o idiota vai e faz uma merda daquelas. Pode?! O infeliz tem mesmo é que ser punido e ir pra casa mais cedo chorar as pitangas ou cortar a droga do pulso com gillette merecidamente. 
O ser humano é mesmo incrível, nunca sabemos o que passa na cabeça dos nossos semelhantes, pois assim como o nosso vampiro, existem muitas pessoas que lutam por algo e, quando o tem nas mãos faz uma cagada dos infernos e põe tudo a perder, seja em relacionamentos ou em questões profissionais. Muitas vezes, acontece até com nós mesmos. O grande problema do Drácula uruguaio é a reincidência. É o velho ditado: "quem nasce pra tatu, morre cavando". Sem querer ofender o Fuleco.

terça-feira, 24 de junho de 2014

Cantada

Dias atrás vi na televisão uma reportagem que falava sobre uma tal lei que proíbe a cantada. Pasmei!!! Peloamooooorrrrr!!! Gentem!!! Onde vamos parar?! Este povo não tem coisa melhor para se preocupar não?! Tantas leis importantes que precisariam ser sancionadas e vão criar uma lei destas!? Vão lavar uma boa trouxa de roupas... Faz favor!!!
Temos que saber diferenciar cantada de assédio sexual, que são coisas totalmente diferentes. O assédio é algo terrível que deve ser mesmo punido por meios e mecanismos legais, mas a cantada é uma coisa muitoooooo boa! Qual a mulher não gosta de receber uma boa cantada?! Mentir é feio, minha filha. Não venha querer dar uma de santa pra cima de muá. Toda mulher quer ser gostosa - não é á toa que tem tanta preocupação com o corpo: dieta, malhação, lipoaspiração e o cacete. 
A diva Hebe Camargo disse uma vez que se a mulher sair de casa, passar por uma construção e não receber uma única cantada, pode voltar para casa e trocar de roupa. 
Que me perdoem as feministas, as politicamente corretas, mas eu sou mesmo é feminina, vaidosa e gosto de me sentir bonita. Gosto quando meus amigos e amigas me elogiam... amo quando meu namorido diz que estou linda... e gosto também quando algum desconhecido na rua me dá um fiu fiu. Faz bem para a auto estima.
O ser humano está complicando o simples, por isso temos tantos depressivos, estressados, obcecados e tantos sivos e sados mais que nem sei nomear todos. Viver é tão simples. 
Vamos tratar de ser felizes, a vida é tão linda, tão simples e única. 
E viva a cantada!!!!

segunda-feira, 23 de junho de 2014

A FIFA e os Invisíveis do Pelô

Olá Pessoas!!! Jurei para mim mesma que não escreveria uma única linha acerca da Copa do Mundo que está acontecendo no nosso país, mas feliz ou infelizmente nos colocamos no meio das coisas e, visto que o blog é um diário, seria impossível não falar sobre o que vejo e, sobretudo sobre o que vivencio:
Fui passar o final de semana em Salvador e resolvi dar um passeio no Pelourinho. Gentem!!! O Pelô está um luxo que só!!! Deu gosto de ver: Limpo, organizado e, devido aos festejos juninos, estava com uma ornamentação danada de bonita e vários shows bacanas pra caramba, sem falar  na segurança que estava nota mil. Fiquei bestificada, abestalhada como se diz aqui na minha terra, mas depois do espanto, algo chamou a minha atenção: "onde se enfiaram os mendigos dali?" ( ou melhor: onde foram enfiados? ). Não vi uma única pessoa em situação de rua no centro histórico de Salvador. Onde a FIFA enfiou os pobres coitados?
Todos sabemos que pessoas em situação de rua, sejam mendigos ou usuários de crack são invisíveis para a sociedade, mas sumir com eles numa espécie de faxina social é um absurdo... Eu já tinha cantado esta pedra aqui no blog o ano passado, porém vendo a coisa de perto, chega a ser nojento... É como enfiar a sujeira debaixo do tapete para que a visita não veja o quão suja é nossa casa. Mas tratar seres humanos como lixo é desumano. O pior é que como vivem à margem da sociedade, ninguém quer saber nem por onde andam ou o que de fato aconteceu com eles. E, não me espanto, se a imensa maioria achar até bom se este sumiço for para sempre. 
Eu queria um dia poder ver não só o Pelourinho, mas também todas as ruas do meu país sem pedintes, mendigos ou usuários de crack, mas gostaria de saber que eles não fazem mais parte da paisagem , porque o poder público conseguiu lhes dar moradia, emprego e dignidade e, não pelo simples fato de ter de escondê-los dos olhos dos cidadãos do mundo que passeiam por nossas cidades sedes em época de Copa. 
Esta é a Copa das desigualdades, basta dar uma volta próximo ao Itaquerão para saber do que estou falando. Somos um país desigual e, esconder isso do mundo, não resolverá nossos problemas. 
Não sou contra nem a favor de uma Copa no Brasil, sinceramente não tenho uma opinião formada, não levanto nenhuma bandeira na qual não acredite de verdade, mas eu precisava falar sobre o que vi em Salvador, porque o que vi lá mexeu comigo e, creio que muitos soteropolitanos, baianos ou até mesmo turistas que conheciam o Pelô também devem ter se perguntado "onde foram parar os invisíveis do Pelô ".


quarta-feira, 18 de junho de 2014

Chuva (Mariza - Concerto em Lisboa)

Mais Sobre Medo

Olá Pessoas!!! Esta semana apareceu um rato no meu local de trabalho e deixou  todos em polvorosa!!! Um monte de marmanjos se pelando de medo de um bichinho, rsrsrs. 
Isso me fez lembrar de um post que fiz  algum tempo no qual  falei sobre os mais variados medos dos seres humanos. Eu, por exemplo, não posso sequer imaginar a figura de uma lagartixa, na minha modesta opinião, a criatura mais apavorante do universo. Aliás, do universo só não, da Bahia toooooooda!!!
Reconheço que o medo - embora muitos sejam infundados - sempre foi um mal necessário à preservação da nossa espécie, mas existem pessoas que exageram nos seus medos. E não me refiro à medinhos bobos de ratos, baratas ou lagartixas... Estou me referindo a outros medos; os medos que nos impedem de tomarmos as rédeas das nossas vidas. Medos infundados do futuro, do novo, do que está por vir... Estes sim, são verdadeiros monstros, pois nos impedem inclusive de sonhar. Ficamos vivendo como se esperássemos o dia da estreia, sem sabermos que a vida não admite ensaios... Não temos uma segunda chance. A hora de ser feliz é agora...


quinta-feira, 22 de maio de 2014

Desapegue-se

Olá Pessoas!!! Estes últimos posts foram muito no estilo " barra pesada " , de modo que resolvi postar umas músicas legais, bacanas para dar uma amenizada, arejar a mente e dengar um pouco o espírito. Mas a fase "Titia paz e amor" não pode mesmo durar para sempre tem que aparecer uma anta na parada para me tirar do sério. E, diferente do Ricardo Alves, não consigo ser complacente com um determinado tipo de pensamento cretino que parece ter se apossado de muitas cabeças por aí.
Gentem!!! Hoje ouvi uma tonta dizer que tem um apego enorme às suas vestes. Pelo amoooorrrr!!! Minha Nossa Senhora dos Paetês!!! Vejam a que ponto a humanidade chegou!!! 
Filhinha acorda pra vida, sua tonta. A pessoa só consegue alcançar a felicidade se praticar a política do desapego. Ou por acaso a infeliz é traça para ficar apegada a pano?! Só pode!!!
Esta criatura precisa entender que os filhos que colocamos no mundo não são nossos, as roupas que vestimos um dia vestirão outros corpos e até a casa que compramos ou construímos com tanto sacrifício, um dia abrigará outras pessoas. O que temos afinal é tão somente nossa alma, porque até nossos lindos corpinhos trabalhados com dietas, lipos e exercícios um dia serão tragados pela Mãe Terra. Ai Titia quanta morbidez!!! Falei alguma mentira?! Ou será que alguém vai permanecer neste plano para sempre?! 
Menina, acorda, porque nem o bofe que te come não é teu... Aliás, muito menos esse...
Desapegue-se!!! 

domingo, 18 de maio de 2014

Apelo Por Justiça

Olá Pessoas!!! Hoje quem vos escreve não é a Titia blogueira e, sim a Maria Aparecida mãe e, sobretudo amiga de uma mãe que sofreu a pior de todas as dores que pode existir neste mundo que é a dor de enterrar um filho. Estou falando da Norminha, minha amada amiga irmã e colega de órgão. 
Quem acompanha o blog, sabe que não costumo citar nomes de amigos quando conto determinados "causos", mas conversei ontem com ela e, estou ajudando a divulgar a história, a fim  de que, a justiça possa ser feita. 
A Norma perdeu seu único filho, um jovem estudante de Direito no dia 25 de Dezembro de 2008 - no dia de Natal. Rafael foi uma vítima inocente, pois perdeu a vida defendendo um amigo (?). Desde então, esta mulher guerreira luta por justiça e eu tenho acompanhado de perto esta batalha e sou testemunha do sofrimento desta mãe, principalmente ao saber que o bandido que ceifou a vida de um inocente encontra-se livre, andando por aí. Na verdade, a minha amiga é a presidiária, é quem está pagando a pena maior.
Por isso, peço que colaboremos para que a justiça seja feita, não o tipo de justiça horrenda de fazê-la com as próprias mãos, mas a justiça de fato e de direito: vamos juntar o máximo de pessoas possíveis no Fórum de Buerarema no próximo dia 04 às 9:00hs - dia do julgamento do assassino. Vamos ser solidários e apoiar Norminha neste momento difícil, e, sobretudo vamos clamar que a justiça seja feita. Vamos levar faixas, camisetas e mostrar à sociedade que o Rafa tinha família, tinha amigos, ele não será só mais um número na triste estatística de jovens assassinados cruel e covardemente neste país.
Já falei isso aqui no blog, mas volto a repetir: " Quando um filho perde o pai, ele fica órfão; quando a esposa perde o marido, ela fica viúva. Entretanto quando um pai ou uma mãe perde um filho, a dor é tão grande que nem nome tem. "



quinta-feira, 8 de maio de 2014

Brasil, o País das "Despeitadas"

Olá Pessoas!!! Não, nós brasileiras, não temos despeito de nada, nem de ninguém, afinal somos lindas, gostosas e as mais sensuais do planeta, aliás do planeta só não, da Bahia toooooda!!!! Então de onde vem o título do post? Calma, cara pálida, a Titia explica: o título do post é uma alusão à Portaria nº 1253 de 12 de Novembro de 2013 na qual reza que terão direito à mamografia bilateral (dos dois peitos), apenas as mulheres de 50 a 69 anos de idade - antes era a partir dos 40 anos. Mas não fique triste, pois se você tiver 40 anos e precisar de mamografia, o governo paga uma unilateral - de um dos peitos. Ou seja, a mulher brasileira só passa a ter dois peitos à partir dos 50 anos. Pode?! Até os 40 somos "despeitadas" e até os 49 somos "unipeitadas". 
Uma amiga me falou isso e, achei tão absurdo que resolvi fuçar, porque gosto de falar com certeza, detesto dúvidas, sou adepta do "eu acho não se escreve" : Fui ao posto de saúde do meu bairro e conversei com o ginecologista de plantão e ele, indignado, me disse que é a mais pura verdade. O pior é que o SUS também não cobre a ultrasson dos seios em nenhuma idade. É até um paradoxo em um país governado por uma mulher um descaso tão sério no que diz respeito à saúde feminina, eu diria até que ser mulher e pobre no nosso país é correr risco de morte, sim, cara pálida, não estou exagerando, fique sabendo que o câncer de mama é o que mais mata no Brasil...
E o mais triste disso tudo é ver que a população se cala, pouco ou quase nada se fala a respeito. Também não temos informação, pois as mídias só falam em morte, vidas de celebridades e copa. Informação não dá Ibope. Somos uma pátria de desinformados e, quando isso acontece não questionamos e vamos deixando que Leis e Porcarias, digo Portarias absurdas diminuam nosso direito de exercer a cidadania plena. Saúde é o primeiro direito básico do cidadão. Sem ela não fazemos porra nenhuma!!!!
Mais uma situação de descaso vergonhosa no país tropical, abençoado por Deus e bonito por natureza!!! Mas em Fevereiro (este ano foi em Março)  tivemos carnaval, em Junho temos a tal sonhada Copa do Mundo. E isso é o que realmente importa. Afinal, temos estádios, só falta construir um país em volta. Não é mesmo?!




segunda-feira, 5 de maio de 2014

Reféns

O mundo se desenvolve tanto e tão rápido. Possuímos bens materiais e tecnológicos impensáveis há apenas três décadas atrás. Em 1980 quem imaginava ter computador em casa? E celular então?
Aumentamos nossa capacidade de produzir bens de consumo e consumistas. Produzimos muito mais alimentos da mesma forma que também produzimos famintos. E não é tão somente de comida, mas de outros tipos de fome, com muitas outras facetas e muito mais difíceis de seres saciadas.
A cada dia surgem novas tecnologias, da mesma forma que vão surgindo mais e mais alienados.
E, sem nos darmos conta vamos, gradativamente, nos tornando reféns. Somos todos reféns...
Uns são reféns do medo. Outros da angústia. Outros tantos são reféns do racismo, da intolerância e da ignorância. E outros ainda reféns da violência. Outros são tão, mas tão reféns de tantas coisas que nem vida têm - são zumbis, mortos por dentro, vivem uma sobrevida... 
A verdade é dura, mas cada um de nós é refém de alguma coisa. 
Do que você é refém????



Desumanização

Olá Pessoas!!! Hoje quem vos fala, aliás, quem vos escreve é uma brasileira indignada com tanta carnificina, violência... Sinceramente, não sei onde isso tudo vai parar:
É gente matando gente com vaso sanitário (?!) na saída de estádio de futebol -  seria até cômico se não fosse trágico; Pessoas arrastando uma mãe de família pelas ruas do Guarujá e linchando a coitada até a morte, por causa de um boato publicado num site; Mais de duzentas meninas sequestradas na Nigéria; Homens mantidos como escravos numa fazenda do Rio de Janeiro em pleno século 21. E o que dizer do que estamos vendo acontecer na Ucrânia?! 
É tanta coisa ruim, tanta selvageria acontecendo que não dá mais prazer assistir telejornal. Você vai ver ou ler o jornal para manter-se informado e acaba todo lambuzado de sangue, porque se espremer o papel ou chegar perto da tela da tv ou do pc é bem capaz de jorrar o precioso líquido vermelho em nossas caras atônitas.
Gentem!!! Estamos vivenciando uma total selvageria e o pior, estamos experienciando a total desvalorização da vida - a total banalização de tudo o que um dia foi valioso. É a total inversão de valores e de direitos. E o que mais me assusta é que achamos tudo isso muito normal. 
Estamos num processo irreversível da desumanização do ser humano. E fico por aqui porque me falta ação e também palavras. E antes que eu me esqueça:
Por favor, parem o mundo que eu quero descer!!!

segunda-feira, 21 de abril de 2014

O Pequeno Bernardo e a Omissão Nossa de Cada Dia

Cada dia mais tenho plena convicção que pessoas como eu, para viver em sociedade , precisam ponderar muito o que falam para não provocar a ira de muitos e a inimizades de outros tantos. Por isso escrevo. Assim, exponho minhas ideias sem precisar brigar com as pessoas que me cercam.
Muito se tem falado sobre o assassinato covarde do pequeno Bernardo Boldrini no Rio Grande do Sul. Este caso me fez lembrar um igualmente monstruoso, mas muito menos comentado pela mídia. Os envolvidos não pertenciam a classe A, como é o caso da família de Bernardo e, pobre morre todo dia - ninguém dá muita pelota. E, não me digam que sou cruel ou isso ou aquilo; estou pouco me lixando. Indignados? Vão ler o Blog da Florzinha. Vamos ao "causo":
Dois irmãos de 12 e 13 anos da cidade de Ribeirão Pires foram encontrados vagando nas ruas pela Polícia Civil e levados ao Conselho Tutelar daquele município onde relataram os abusos e violência sofridos em casa. A assistente social e a psicóloga da instituição não acreditaram na história dos pequenos e os devolveram ao pai. Na mesma noite foram assassinados e esquartejados pelo pai e pela madrasta http://www.estadao.com.br/noticias/cidades,corpos-de-irmaos-mortos-em-ribeirao-pires-sao-enterrados,257594,0.htm .
O pequeno Bernardo também procurou o Ministério Público e, numa audiência, o menino foi entregue ao seu algoz.
Hoje vi no Jornal Hoje a homenagem que os moradores da cidade fizeram ao pequeno. Achei até um tanto hipócrita, pois o guri mendigava afeto e carinho a todos que o conhecia e tantos foram  os que relataram exaustivamente nos jornais que viram a madrasta o maltratando e outros tantos viam quando ele ficava no portão implorando para entrar em casa. Tem uma senhora a quem o pobrezinho relatou que a madrasta tentou matá-lo com o travesseiro, a mesma chegou a contar a avó do garoto e depois negou o fato perante a justiça. Absurdo!!! Cada um que pôde fazer algo pelo garoto e se calou, de uma certa forma, é co-autor do homicídio, pois se omitiu quando podia fazer algo para tirá-lo daquela situação. Ele tinha uma avó materna que o amava e chegou até a brigar por sua guarda.
Quem quiser me mandar flores, me mande um buquê agora, porque depois que eu morrer não adianta enviar-me coroas e mais coroas. 
O Bernardo não precisa de homenagem, o que ele precisa é que a justiça seja feita após sua morte, visto que a mesma nada fez durante sua breve vida...

domingo, 20 de abril de 2014

Musiquinha de Fundo

Olá Pessoas!!! Se tem uma coisa que detesto é ligar para o celular de um indivíduo e ouvir musiquinha de fundo em lugar de toque de chamadas. Gentem!!! Pelooooamooorr!! Ninguém merece...
Quando a música condiz com nosso gosto musical até que é uma experiência interessante, o problema é que gosto é algo muito peculiar...
O meu taxista tem o James Brunt e a Adele. Ainda bem, pois trabalho com o Edilson há bastante tempo e detestaria ter que abrir mão de seus serviços, entretanto tenho um primo, quase irmão, que vive me perguntando o porquê de eu não ligar mais. Querem a resposta? Ela é amiga da minha irmã, do Michel Teló. Gentem!!! É uma verdadeira tortura ouvir esta bosta. Prefiro ficar sem as prosas boas que tinha com o Caló, visto que ele vive em Porto e não nos vemos com a frequência que gostaríamos...
E uma amiga linda de viver que terminou com o namorado há alguns meses e colocou um pagodezinho bem vagabundo com uma dor de corno do cacete!? O pior é que até hoje a trilha musical do inferno continua lá. Sinal que a bichinha ainda não superou o fora. Pobrezinha, até dei uma dica para ela colocar aquela do Chiclete com Banana, A fila andou, mas ela não aceitou a sugestão.
Ontem liguei para um amigo baiano que hoje vive em São Paulo (para quem não sabe existem mais baianos em São Paulo que na Bahia) e amei a homenagem que ele fez a minha pessoa:  a musiquinha dele é o hino dos servidores públicos, Lepo, Lepo. Não entenderam?!  "Não tenho carro, não tenho teto...". Não sabia que o Marquinhos gostava tanto de mim. 
Um xero!!!

  

sexta-feira, 18 de abril de 2014

A Propaganda e a Copa

Olá Pessoas!!! Falta pouco mais de um mês para o início da Copa do Mundo e, sinceramente, não vejo animação nenhuma por parte do povo brasileiro. Aliás, é justamente sobre animação que venho escrever hoje. 
Alguém viu a propaganda que a "toda poderosa" Rede Globo fez para a Copa? Sinceramente é tão sem graça quanto um suflê de chuchu sem sal. Isso mesmo!!!
Onde já se viu em um país que tem Ivete Sangalo, Zeca Baleiro, Seu Jorge (gostosésimo), Martinho da Vila e tanta gente boa (de verdade) colocar a Sandy, o Thiaguinho , o Luan Santana e a Emanuelle Araújo para cantar aquela bosta?! Sim uma bosta, sem ritmo, sem letra, sem porra nenhuma. Se  dependesse   da "animação" do hino (?) da Copa,  o Brasil seria eliminado logo na primeira fase.
E, por falar em animação, eliminação e, claro, propaganda... Gentem!!! Mesmo que o Brasil não ganhe o caneco, o Felipão já garantiu uma gorda aposentadoria, afinal ele ultrapassou o Neymar em propagandas: de veículo a hipermercado, passando por guaraná e operadora de telefonia, o nosso técnico se tornou o queridinho das agências de publicidade. Agora acredito que a Copa do Mundo no país, realmente, gerou emprego...

terça-feira, 8 de abril de 2014

Idosos

Olá Pessoas!!! Está um verdadeiro inferno encontrar um caixa eletrônico que funcione finais de semana e feriados. Dá a entender que os bancos fazem um complô para deixar os correntistas sem grana - pelo menos na minha cidade é assim...
Sábado passado precisei fazer uma retirada e foi uma verdadeira odisseia encontrar um caixa 24 horas funcionando, de modo que, as filas estavam imensas e todo mundo sabe o humor que temos perante filas... Daí um idoso demorou alguns minutos a mais para efetuar seu saque e uma moça ficou irritada e começou a falar mal do velhinho para mim. Sorte dela que eu estava no meu dia "Titia paz e amor" e, embora a minha vontade fosse dar-lhe umas boas bifas para aprender a respeitar os mais velhos, simplesmente lhe expus algumas verdades e, tenho certeza (pela cara que fez) que ela refletiu a respeito do que foi dito.
Infelizmente, à medida que vamos envelhecendo, vamos perdendo a agilidade até de raciocínio. Mamãe está com 70 anos e já sente o peso das primaveras - sinto que ela já não tem a agilidade de outrora e, sente dificuldade para executar algumas tarefas. Convivendo com ela, observando sua vida lembro do Curioso caso de Benjamin Button, pois de uma certa forma os velhos nos lembram crianças: teimam, fazem birra, caem com facilidade , passam a gostar de guloseimas e, assim como crianças, precisam de muito carinho, cuidado e atenção. 
Me dói o desrespeito que o brasileiro tem com os idosos, a começar pelos próprios familiares. É vergonhoso que necessitemos de um Estatuto do Idoso para que os direitos dos nossos pais e avós sejam respeitados. 
Um dia, se Deus quiser e, para a infelicidade dos que nos detestam, seremos idosos. Não gostou da ideia cara pálida?! Pois é bom que se acostume a ela. Ou vai me dizer que prefere morrer jovem? Então corta os pulsos com gillette...

terça-feira, 1 de abril de 2014

Facebook Capítulo Final!!!

Olá Pessoas!!! Semana passada desativei minha conta no Facebook e, confesso a vocês, não sinto a mínima falta - não tenho o menor arrependimento. 
Cansei de tanta vaselina!!! Cheguei à conclusão que pessoas como eu, adeptas do sincericídio, decididamente não podem e não devem ter conta naquela rede social. É uma babação de ovo pra cá, uma puxação de saco pra lá, tudo isso recheado de muita, mas muita falsidade meeeeeeeeeeeeeeeeesmo!!!! Um monte de gente feia postando fotos e um monte de gente falsa comentando "lindo",  "lindo", "lindo". Sem falar nas pessoas que você sabe que mal te suportam e comentam suas fotos ou status floreando palavras de amizade verdadeira com açúcar, afeto... e veneno!!!
Cansei também das babaquices, tipo: partiu academia, partiu trabalho... partiu puta que pariu. Sem falar no se sentindo cansada, se sentindo apaixonada, se sentindo abestalhada. Tenho uma prima que pela manhã está se sentindo uma coisa, meia hora depois  outra e até o final do dia seu humor oscilou mais do que pêndulo oscilante - uma verdadeira montanha russa de emoções. Impressionante a metamorfose ambulante que ela é. E, mais impressionante ainda é a necessidade sórdida que tem de mostrar isso ao mundo. Aliás o que parece é que as pessoas precisam se mostrar, numa tentativa desenfreada de pertencer a um grupo, de ser aceito ou sei lá que picas de necessidade doentia mais o ser humano possa ter a ponto de ser expôr tanto...
E não pensem que para por aí. Conheço muitas pessoas  que eu até julgava coerentes e emocionalmente resolvidas e, de repente, graças ao Face, descobri que não passam de um bando de imaturos. Sem falar nos muitos cultos de plantão que cometem erros grotescos de português. Reparem que disse erros grotescos, porque erros todos cometemos, e é até normal tratando-se de uma língua tão complicada como a nossa, entretanto os erros em questão são tão monstruosos  que fazem crianças do primário vomitar diante de tanta burrice. O pior é que muitos dos que cometem tais erros são pessoas graduadas, tem inclusive muitos advogados escrevendo a gente junto - tipo agente do FBI, isso só para exemplificar. Garanto que existem piores, mas não consigo lembrar.
Por essas e outras e, sobretudo, para não ter que cortar meus lindos pulsos com gillette ou, pior que isso: para não  ter que mandar muita gente boa ir à merda, decidi jogar a toalha e agora só estou na rede mais anti-social que existe que é o blog. Como diz meu filho: "Blog é coisa de solitário", porém prefiro a solidão da blogosfera que a inutilidade ou a imbecilidade de outras redes sociais.
Hoje é Primeiro de Abril, mas o que escrevi é a mais pura verdade.

terça-feira, 25 de março de 2014

Olá Pessoas!!! Vou dar uma dica para quem compra passagens aéreas pela internet: ou compre no site da própria companhia aérea ou na Decolar, nunca, never, jamais,nunquinha da silva meeeeeesmo comprem pela Edestinos, pois tive que cancelar uma passagem dias desses e foi um transtorno: eles não têm um 0800 ou nenhum outro telefone de contato, foi uma odisseia conseguir o chat. Sem falar que só no ato do cancelamento é que descobri que a companhia havia mudado o horário do voo da ida e eles não me repassaram a informação. Aliás, a falta de comunicação e o desrespeito deles para com o cliente  é tão grande que beira mesmo o absurdo; consegui o cancelamento pelo chat e ficaram de entrar em contato comigo pelos telefones que passei no prazo de 48 horas. Qual?! Passaram-se 04 dias (isso mesmo, quatro dias) e nem sinal. Daí peguei o protocolo do atendimento (sempre anotem o protocolo de atendimento e peçam para enviar um espelho do mesmo para o e-mail) e entrei novamente no chat. Genteeeeem!!! Foram longos 39 minutos para ser atendida por uma atendente que me informou o cancelamento. E, lógico, liguei na companhia e confirmei. Acham que sou besta?! Baiano besta nasce morto!!!!
Fica a dica!!!